Veja como tirar 2° Via do CPF – Maneiras e lugares

Como tirar segunda via

Através do CPF (Cadastro de Pessoa Física) é possível realizar diversas transações bancárias, obter vários benefícios e serve como um segundo RG na maioria dos casos.

O CPF em seu conceito mais formal, serve basicamente para auxiliar os brasileiros que desejam ter vínculos financeiros com nosso país, como por exemplo, contas em bancos, casas de câmbio e afins.

Perder o CPF nos dias de hoje é praticamente como dar um tiro no pé, realmente ninguém merece ficar sem este importante documento, todavia, caso isso tenha ocorrido, ainda não será o fim do mundo.

Perder os documentos se tornou algo muito comum nos dias atuais, ocorrendo por diversos meios, falta de atenção, assaltos ou um simples bolso furado.

Iremos através deste guia prático lhe ensinar como emitir uma 2ª do CPF de maneira bem simplificada e mastigada para você, mas antes iremos lhe contar um pouco da história deste pequeno cartãozinho que você carrega consigo, para que assim você entenda e compreenda a tamanha importância deste pequeno documento.

História do CPF

O primeiro CPF surgiu lá em 1968 (minha mãe tinha 6 anos, rs). O Cadastro de Pessoas Físicas foi criado com o intuito de reunir algumas informações básicas e detalhadas sobre as pessoas físicas, sendo obrigadas declarar seus rendimentos e bens.

E diferente do que muitas pessoas acham, o primeiro CPF criado não foi o 000.000.000-1. O número de cada CPF é formado a partir de uma fórmula, que mistura diversos dados, como por exemplo: cidade, ano e outras informações básicas, gerando assim um número único e com uma fórmula exclusiva de obtenção.

Atenção: Consegui chamar sua atenção? Perfeito! Este detalhe é somente para lhe informar um número incrível. Adivinha quantos CPFs estão contidos no banco de dados da Receita? Fica até o final do artigo que no fim iremos revelar, hehe.

A história do CPF é basicamente essa, de forma bem mastigada, claro, pois para ele surgir com certeza teve muito mais coisa envolvida, como para evitar bagunças e afins.

Bem introduzidos no assunto, vamos agora aprender de maneira bem resumida e prática como obter uma 2ª do CPF sem se quer sair do conforto de sua casa, tudo bem? Vamos lá.

Como tirar segunda via CPF

Documento CPF

Antes de tudo, é importante ressaltar que existem dois tipos de processos distintos para quem pretende emitir uma segunda via de seu CPF. O primeiro processo é para pessoas que não declaram o Imposto de Renda e o segundo processo é para aquelas pessoas que não declaram.

Agora embaçou tudo? Embaçou nada! Veja de maneira bem mastigada como emitir a sua segunda via do CPF em ambos os casos.

Vamos começar pelo processo mais raro, não tão raro assim, mas é um pouco raro, existe mais pessoas que não declaram os impostos do que as que não, enfim.

 

 Como tirar segunda via CPF – Para quem declara Imposto de Renda

Caso você declare Imposto de Renda, você consegue emitir a segunda via de seu CPF por intermédio do portal eCAC (Centro virtual de atendimento da Receita Federal). Todavia, para você utilizar este portal, é preciso que você obtenha o código de acesso, o mesmo estará descrito nos tópicos detalhados, tudo bem?

  • Primeiramente, clique no link ao lado e obtenha o seu código de acesso (Tirar segunda via do CPF)
  • Estando na página, preencha os campos em branco com os dados necessários e clique em avançar.
  • Agora, basta você informar os números dos recibos de entrega das suas últimas duas declarações de renda e crie uma senha, agora clique em gerar código.
  • Com o código em mãos, basta você acessar a página oficial do eCAC clicando no link ao lado (eCAC – Emitir segunda via CPF), digitar o seu CPF, o código de acesso e sua senha criada no tópico acima.
  • Já na tela padrão do eCAC, basta você selecionar a aba “Cadastros” e posteriormente, em “Comprovante de Inscrição no CPF”.

Está tudo bem até aqui? Maravilha, pois este era o último passo, agora basta você gerar um PDF de seu CPF e imprimir em algum local especializado.

E agora, vamos ao tutorial para os demais casos, ou seja, para todos aqueles que não declaram Impostos de Renda, segue o tutorial.

Como tirar segunda via CPF – Para quem não declara Imposto de Renda

E agora para os que não declaram Imposto de Renda, é bem fácil e pra lá de mastigado, é só abrir a boca e engolir, legal assim? Segue o tutorial.

  • Primeiramente, adentre no site oficial da Receita Federal clicando no link ao lado (Tirar segunda via CPF online)
  • Estando na tela padrão, basta você preencher os campos em branco com seus respectivos dados, como por exemplo: Nome completo, sua data de nascimento, nome de sua mãe e afins)
  • Clique em avançar e vá para a próxima tela, nela você já obterá o comprovante de emissão e basta realizar a impressão da sua segunda via do CPF.

Os passos que devem ser seguidos são basicamente estes acima, o processo como vocês visualizaram é bem fácil e simples, além disso, através deste guia eu dei uma profissão para vocês, é, acredite! Agora você bem que poderia realizar pequenos bicos ajudando pessoas leigas a emitirem uma segunda via, hehe.

E como prometido, iremos lhe contar quantos CPFs estão contidos no banco de dados da Receita Federal. O número é incrível, na receita existe cerca de 180 milhões de CPFs em seu banco de dados, é CPF que não acaba mais, cambada…

Por que andar com o CPF pra lá e pra cá?

Sim, estou lhe indagando. Por que andar com seu CPF pra lá e pra cá? Atualmente, é possível você andar somente com o RG e evitar perder os documentos, caso você perda, ao menos não será todos.

Existe vários estabelecimentos ao redor do país que emitem um RG atualizado que contém nele vários dados, como por exemplo, o número de seu CPF incluso, o que ajuda pra caramba na hora de se locomover e evita possíveis perda.

Além disso, várias carteirinhas de estudante também contém o número do CPF incluso no cartão, ou seja, existe uma suma quantidade de possibilidades que substituem o CPF original, é bem recomendável que você opte por uma delas, evitando assim perder este pequeno grande documento.

Evite perder seus dados

Nos dias de hoje é bem comum invasores adentrarem em seu S.O e lhe roubar informações pessoais, como por exemplo, o número do seu CPF.

Ao adentrar nos links que disponibilizamos acima, tome cuidado com o SSL do site, se ele realmente está ativado. Ah, o SSL é caracterizado em seu conceito mais informal como o cadeado verde ao lado da barra de pesquisas.

Para melhores resultados, adentre no site em modo anônimo (CTRL + SHIFT + N), é… essa função dos navegadores serve para outras coisas também… através dela é possível navegar na Internet sem cache, acelerando assim o processo e evitando possíveis ataques de invasores.

Além disso, mantenha sempre seu antivírus em dia, não ajuda muito, mas digamos que atrapalha um pouco o serviço dos invasores, recomendamos utilizar o 360 ou o Avast, os demais só possuem nome.

Antivírus ligado, cadeado verde? Então, o que ainda está esperando? Corre lá para emitir sua segunda via do CPF, rapaz.

Deixe um comentário